PUBLICIDADE
Fato: Receptação e Adulteração de Sinal Identificador .
25/02/2021 01:21 em Policia

Fato: Receptação e Adulteração de Sinal Identificador .

Rodovia Data: 22FEV21 Horário: 18h00min Endereço: SP 280, Rodovia Presidente Castello Branco, km 208,300, sentido Oeste. Município: ITATINGA/SP Btl: 5º BPRv Cia: 3ª Pel: 2º Policiais militares que atenderam: CB PM CRISTIANO e CB PM PEREIRA Vtr: R-05371 (Apoio Tático) DP: Botucatu/SP Qualificação dos envolvidos: L. D. M., 37 anos, que conduzia a caminhonete, MMC/TRITON, cor preta, de placas AUG-4A21 do Rio de Janeiro/RJ. Histórico: Em fiscalização de combate ao tráfico de drogas e demais ilícitos penais, a equipe de Apoio Tático abordou o veiculo MMC/L200 Triton, ostentando as placas FEU-1C95.

O condutor apresentou o CRLV eletrônico cujos dados, a princípio, conferia com as características do automóvel. Contudo, a equipe percebeu o nervosismo do condutor e levando em consideração que o mesmo havia dito que estava indo para Sete Quedas/MS, resolveu fazer uma vistoria minuciosa no veículo, sendo encontrado no console central, um envelope que continha um decalque para remarcação do chassi, dois recalques para remarcação do número do motor e uma etiqueta autodestrutiva com a numeração do chassi.

Em ato contínuo, foi constatado sinais de adulteração no chassi inserido na longarina, nos vidros e que as etiquetas autodestrutivas que estavam postas na estrutura do veículo, soltavam-se com certa facilidade.  

 

Diante da dificuldade de visualizar a numeração do motor, condutor e veículo foram conduzidos até a Base Operacional de Pardinho/SP (Bop 280/5), e após colocar o veiculo sobre uma elevação, foi possível entrar por baixo do motor e através da pesquisa da numeração encontrada (4M41UCAY0706), foi possível saber que o verdadeiro veículo MMC/L200 Triton, placas AUG4A01, estava com queixa de FURTO registrado na data de 10/02/2021, conforme BPPC RJ 1563/2021. Diante do fato, foi dada voz de prisão ao condutor pelos crimes de "Receptação" e "Adulteração de sinal identificador", artigo 180 e 311, ambos do Código Penal Brasileiro.

A ocorrência foi apresentada no plantão da Polícia Civil de Botucatu/SP, e o delegado de plantão, Sr. José Sérgio Palmieri Junior, ratificou a voz de prisão e recolheu o preso na carceragem local para posterior transferência para a cadeia pública de Itatinga/SP.

O preso disse que receberia o valor de R$1.000,00 pelo serviço e que uma pessoa de prenome Renato, lhe fornecia detalhes acerca da viagem de São Gonçalo/RJ até Sete Quedas/MS. O preso não foi algemado e foi cientificado dos seus direitos. Foram apreendidos o veiculo, um par de placas, um CRLV eletrônico, um aparelho celular, dois decalques do número do motor, um decalque do número do chassi, uma etiqueta autodestrutiva e a quantia de R$1.022,00 em espécie. Fonte/Fotos Policia Rodoviaria Estadual

COMENTÁRIOS